segunda-feira, julho 10

E emigrares para a Suazilândia, não?


«Que podemos fazer para lhes [Selecção] agradecer? É difícil e é simples: acreditar como eles acreditaram, ser exigentes em relação a nós próprios, como eles o foram, termos espírito de equipa e de sacrifício, fazermos o nosso trabalho como eles fizeram o deles. Jogarmos na vida como eles jogaram no Mundial. Sem subserviência em relação aos poderosos. Sem cedência à mentira, à batota e ao compadrio. Sem aceitar discriminações e desigualdades. Jogar limpo, como eles jogaram. Com talento, patriotismo e convicção
Aqui, mais contribuições para um «Anedotário Político Nacional».

2 Comments:

Blogger Thor Mentor said...

Não resisto...!!!

Amar Como Jesus Amou

Um dia uma criança me parou
Olhou-me nos meus olhos a sorrir
Caneta e papel na sua mão
Tarefa escolar para cumprir
E perguntou no meio de um sorriso
O que é preciso para ser feliz?

Amar como Jesus amou
Sonhar como Jesus sonhou
Pensar como Jesus pensou
Viver como Jesus viveu
Sentir o que Jesus sentia
Sorrir como Jesus sorria
E ao chegar ao fim do dia
Eu sei que dormiria muito mais feliz

Ouvindo o que eu falei ela me olhou
E disse que era lindo o que eu falei
Pediu que eu repetisse, por favor
Mas não dissesse tudo de uma vez
E perguntou de novo num sorriso
O que é preciso para ser feliz?

Depois que eu terminei de repetir
Seus olhos não saíram do papel
Toquei no seu rostinho e a sorrir
Pedi que ao transmitir fosse fiel
E ela deu-me um beijo demorado
E ao meu lado foi dizendo assim

Amar como Jesus amou.

Padre Zezinho

7/10/2006 04:39:00 da manhã  
Blogger Nelson Fraga said...

... bordar como a Brigitte Bardot,
roçar como o Jean-Jacques Rousseau...

7/10/2006 05:20:00 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home